Tecnologia aliada à malhação! - Cryah

Tecnologia aliada à malhação!

Tecnologia aliada à malhação!

Tecnologia aliada à Malhação: gadgets e aplicativos ajudam usuários a ficarem em forma

Dispositivos já são capazes de melhorar desempenho de exercícios físicos, como Athos e Leo. Ambos utilizam a Eletromiografia, uma técnica de monitoramento de atividade elétricas nos músculos, que por muito tempo esteve confinada em hospitais mas agora está disponível ao público na forma de gadgets voltados à saúde.

Athos permite monitorar atividade muscular durante exercícios (foto: Reprodução/Youtube)
Athos permite monitorar atividade muscular durante exercícios (foto: Reprodução/Youtube)

O Athos se trata de um conjunto de roupas dotadas de sensores que podem sentir a atividade das fibras musculares e identificar quanto o corpo está se esforçando. Quando o usuário se move, a contração das fibras emite um sinal elétrico que pode ser detectado e quantificado.

Os sensores do Athos são resistentes o suficiente para suportar diferentes movimentos do usuário e lavagens periódicas. Elas apresentam um bolso especial desenhado para receber um núcleo responsável por analisar as informações coletadas e transmiti-las por Bluetooth para dispositivos equipados com o aplicativo da empresa.

O núcleo tem bateria com duração de 10 horas de uso contínuo, pesa 20 gramas e possui 6 centímetros de altura. Ele é resistente a impacto e dispõe de um acelerômetro embutido. As roupas são capazes de medir o esforço e fadiga musculares e se o usuário está treinando o suficiente, além de batimentos cardíacos e padrões de respiração.

Qual o melhor aplicativo do Android para ficar em forma? Comente no Fórum do TechTudo.

O Athos já está disponível para pré-venda. As roupas especiais custam US$ 99 cada (cerca de R$ 225), enquanto o núcleo sai por US$ 199 (R$ 450).

O outro gadget usa a mesma tecnologia, o Leo, uma faixa que pode ser vestida nas pernas ou braços e monitora sinais do corpo em tempo real, traduzindo esses dados em conselhos para o usuário. Ele é capaz de identificar informações como atividade muscular, fadiga, frequência cardíaca e hidratação.

Leo monitora atividade muscular do usuário e ajuda a evitar lesões (foto: Reprodução/YouTube)
Leo monitora atividade muscular do usuário e ajuda a evitar lesões (foto: Reprodução/YouTube)

O Leo também reconhece as capacidades do usuário, evitando que ele se exercite mais do que o necessário. Ele possui um sistema de reconhecimento que prevê lesões musculares e alerta o usuário para que ele não se machuque.

O dispositivo se comunica com o usuário através de um aplicativo para desktops, tablets ou smartphones. Ele também oferece funções sociais, ajudando o usuário a localizar outras pessoas e usando dados delas pra melhorar seu próprio sistema.

O projeto do Leo está arrecadando fundos por meio do site de financiamento coletivo Indiegogo até o fim de agosto e cada faixa será vendida por USD 299 (cerca de R$ 680).

Via The Verge