11 dicas para vender muito na Black Friday - Cryah

11 dicas para vender muito na Black Friday

11 dicas para vender muito na Black Friday

Dicas preciosas para usar na Black Friday

A Black Friday já é uma das datas que mais geram vendas no comércio brasileiro. Só no ano passado, a data foi responsável por 1,16 bilhão de reais em faturamento, o que representou um aumento de mais de 50% em relação ao ano anterior. Para o empreendedor, a Black Friday ainda aumenta o faturamento em até dez vezes!

 

1. Faça um planejamento!

O passo mais importante para ter sucesso em qualquer promoção é se planejar com antecedência. Você já tem estoque? Já separou o que vai entrar na promoção? Quanto tempo antes da data você precisa ligar para negociar com fornecedores e parceiros? Qual é a data-limite para garantir entregas? Seu quadro de funcionários precisa de um reforço?
Tudo isso tem de ser detalhado na ponta do lápis.

2. Estude os resultados anteriores

Um bom caminho para começar é analisar seu histórico de ações e vendas durante as outras Black Fridays. Assim você pode ter uma perspectiva do que esperar, do que deu certo e como melhorar sua estratégia. Em tempos de crise, vale acompanhar, também, o comportamento do consumidor para avaliar se seus clientes continuam comprando ou não.

3. Defina seus objetivos

Aproveite a Black Friday para garantir seu ponto de equilíbrio financeiro nos próximos meses. Além de vender mais, pode aproveitar para trazer novos clientes para a sua base, aumentar o tráfego no site, se engajar mais em suas redes sociais, desencalhar alguns produtos que não estão tendo muita saída, e por aí vai.

Saiba muito bem o que você quer da Black Friday, pois assim poderá criar uma estratégia eficiente. Se você quer brigar para ficar conhecido, vai ter de diminuir sua margem. Se quer lucrar, sua margem tem de ser maior. E lembre-se que a divulgação também deverá ser maior e para isso aumenta o investimento nas mídias pagas.

4. Negocie com seu fornecedor

Tudo começa com a conversa com os fornecedores e a definição de qual será o nosso portfólio. E, nesse momento, é importante negociar bem. Existem várias técnicas para negociar com o fornecedor e você deve usá-las em seu favor nesse momento, afinal, sua demanda será grande.

Se caprichar no preço, vende mais e repõe o estoque com mais frequência. Mas não deixe para a última hora, não se esqueça que o fornecedor atende vários clientes, como você!

5. Avalie sua estrutura

Muita coisa pode dar errado na Black Friday: sua loja sair do ar, você não ter produtos suficientes em estoque, não conseguir gerar as notas fiscais rápido o suficiente ou não dar conta de atender loja física e online.

Para garantir que nada disso aconteça, é imprescindível ter certeza de que a estrutura da qual você dispõe (equipe, operação e logística) esteja perfeitamente em ordem e seja o suficiente para atender à demanda.

Você precisa garantir que tudo esteja funcionando, do sistema de pedidos à entrega. A Black Friday é o dia em que nada pode dar errado.

6. Comprometa-se

O ideal é passar o máximo de segurança ao cliente, para isso é recomendado que os lojistas se cadastrem em selos e outras iniciativas que reúnem as empresas sob o compromisso de respeitar o cliente durante a Black Friday.

A Câmara E-net, por exemplo, tem o selo Black Friday Legal, que conta com uma política de boas práticas para serem exercidas. Esta é uma maneira de deixar o consumidor mais seguro e aumentar suas vendas.

7. Transmita segurança

Infelizmente, ainda existem muitas empresas que aproveitam a Black Friday para tentar lesar o consumidor. Oferecer garantias vai ajudar a fazer com que o cliente confie mais em você.

Dar algumas garantias, como atestar que o produto tem disponibilidade imediata, vai chegar na data e que suas ferramentas de pagamento são seguras, vai fazer toda a diferença.

8. Acione a base de cadastros

Não adianta ficar esperando as vendas caírem do céu. Você, empreendedor, também tem de entrar em contato com os clientes para que eles saibam que você tem algo a oferecer. Afinal, durante a Black Friday, seu consumidor vai receber promoções de dezenas de lojas, e ele precisa se lembrar da sua também.

Use redes sociais, newsletters e qualquer outra informação de contato que você tenha para deixá-los cientes de que sua marca também participa da Black Friday.

9. Mude o layout da loja

Dê destaque aos produtos que você consegue dar maiores descontos, assim você cria uma “isca” para o consumidor conhecer outros produtos da loja.
As informações da Black Friday devem ficar bem explícitas para que o cliente tenha certeza de que está participando da promoção. O ideal é mudar o layout da loja, mas, se não for possível, um banner chamativo e um destaque nos produtos já podem produzir bastante resultado, o importante é manter a sinalização clara.

10. Estenda a Black Friday

Se a sexta-feira passou e você não vendeu tudo o que esperava, não precisa guardar para o ano que vem. Que tal fazer um saldão com o que sobrou? Use o marketing para mostrar ao cliente que aquelas são as últimas peças a preços promocionais e crie uma ideia de “última chance”.

11. Aproveite para criar relacionamentos

A Black Friday é uma excelente oportunidade para criar uma boa imagem da sua loja. Com o maior volume de novos clientes, você tem a oportunidade de aumentar sua base de contatos e estabelecer relações duradouras que, inclusive, podem fidelizar o consumidor.

E já que uma Black Friday perfeita depende de muita divulgação, confira os pacotes da Cryah para mídias pagas!